Com a alta demanda de produção vinculada à necessidade de alta geração de energia, economizar custos com contas de luz é um verdadeiro desafio para grandes empresas. A situação tornou-se mais comprometedora após a crise energética alcançar seu auge no Brasil, de 2014 a 2017, gerando um aumento de 31,5% na conta de luz. Recentemente, a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) propôs um novo reajuste de 34,41% para indústrias consumidoras de alta tensão.

Reduzir a conta de luz residencial é menos complexo do que a redução em empresas e indústrias, já que certas soluções podem comprometer a produção em grande escala. Reduzir representa mais do que aumento dos lucros, é essencial para entregar preços mais competitivos e atrativos para o consumidor final.

Como economizar energia elétrica em 2021? Confira 6 soluções que podem ser aplicadas imediatamente. Vamos lá?


1 - Adaptações estruturais

Por mais que uma adaptação estrutural esteja fora de cogitação para empresas que querem economizar os recursos disponíveis, ela pode ajudar a reduzir drasticamente o custo com energia elétrica.

O primeiro passo é aderir ao uso de painéis de controle mais intuitivos, que possam ser utilizados por todos os funcionários. Esse tipo de ferramenta costuma ser de acesso restrito de eletricistas, impedindo a ação de terceiros se necessário, o que é um grande erro. É normal encontrar setores ou corredores com iluminação constante, ainda que não seja comum a circulação de pessoas no local. Quanto dinheiro você já não deve ter perdido com isso, hein? Um painel de controle intuitivo ajuda a intervir a qualquer momento.

Outra solução é usar pontos estratégicos de entrada de luz natural (solar), principalmente em áreas comuns, com alto fluxo de pessoas. O uso de uma telha translúcida é uma alternativa simples e inteligente, capaz de melhorar a entrada de luz instantaneamente.


2 - Controle de Ar-Condicionado

Dentro de escritórios, é comum o uso abusivo de ar-condicionado para climatizar ambientes, principalmente no verão. Apesar da comodidade, esse é um dos grandes vilões da conta de luz.

Uma boa forma de otimizar o consumo é estabelecendo regras para uso do equipamento, como:



a) Manter portas e janelas fechadas durante o uso do equipamento.

b) Dar preferência à circulação de ar natural ou entrada de luz solar, deixando o ambiente agradável naturalmente.

c) No inverno, utilize apenas a função de ventilação, que exige menos energia.


A inclusão de plantas no escritório também favorecem a climatização natural do ambiente. São pequenas mudanças de hábitos, mas que podem evitar um alto custo com conta de luz ou manutenção excessiva de equipamentos.

3 - Uso de energia renovável

Uma alternativa que tem sido cada vez mais explorada pelas grandes empresas é o uso de fontes energéticas alternativas e renováveis, como a energia solar ou eólica. Muitas delas não estão sujeitas aos impostos da energia elétrica, sendo uma grande oportunidade para todos.

Além de colaborar com o meio ambiente, diminuindo a emissão de gases poluentes e exigir maior desempenho de usinas hidrelétricas, é possível usufruir dos sistemas de compensação energética, reduzindo consideravelmente o valor pago com energia.

De acordo com relatórios da ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), há uma expectativa de atração de pelo menos 5 mil novas empresas em 2021. Só em 2020, o mercado de energia solar teve um crescimento de 64%, e podemos apontar a economia como principal vantagem oferecida pela instalação.

4 - Conscientize a equipe

Existem muitos hábitos na linha de produção, alguns deles pouco eficazes, que levam a um desperdício de energia. Dito isso, é importante considerar que a redução de custos deve ser um objetivo coletivo, ou seja, inclui também os colaboradores.

Tenha uma rotina de reuniões com sua equipe e alinhe boas práticas de uso de equipamentos, definindo metas de redução e boas práticas para uso consciente da energia. Experimente exercícios de incentivo à equipe, como recompensa por redução do uso de energia, criação de campanhas de endomarketing, entre outras práticas de rotina.

5 -  Rotina de revisão elétrica geral

Se você fez a locação do imóvel recentemente ou não há pelo menos um registro de revisão elétrica no último semestre, faça a revisão elétrica da unidade.

Ao construir a estrutura do imóvel, uma empresa pode ter se responsabilizado pelo desenvolvimento de um projeto elétrico de acordo com a necessidade do antigo locador/locatário, mas essa parte elétrica pode estar sujeita a desgastes e danos à infraestrutura.

Por meio de uma revisão elétrica, você poderá identificar possíveis problemas de vazamento de energia, superaquecimento de condutores, problemas com fiação e outras falhas que podem comprometer a contagem de energia consumida, levando ao aumento da conta de luz. Além de prevenir acidentes, a revisão evitará muita dor de cabeça e grandes prejuízos financeiros.


6 - Revisão de equipamentos

Consulte um técnico para encontrar possíveis falhas em máquinas utilizadas pela empresa que consomem muita energia. Se estiver descalibrada ou com irregularidade na configuração, será necessário muito mais energia para aproveitar tais recursos ao máximo.

Assim como a revisão da infraestrutura, tenha uma rotina para validar os equipamentos utilizados pelos departamentos, corrigindo falhas que possam trazer impactos negativos em sua conta de luz.

Caso seja necessário, substituir máquinas antigas por equipamentos com consumo de energia A (definido pelo Selo Procel, do Inmetro) também é uma boa solução, já que as máquinas antigas exigem maior consumo de energia.


Conclusão

Apesar de ser um desafio que envolve esforço coletivo, o resultado pode ser alcançado por meio da conscientização de toda a equipe.

Procure ter o apoio de especialistas em engenharia elétrica e manutenção preventiva para identificar problemas e necessidade de reparos, além de receber sugestões que podem reduzir riscos e prejuízos financeiros.


A WBecker Engenharia Elétrica pode te ajudar. Fale com nossa equipe, saiba mais sobre nossos serviços e como podemos aumentar a eficiência energética da sua empresa.